Bibliografia sobre Theodor Adorno

Bibliografia sobre Theodor Adorno

Bibliografia Primária

 

No Original

ADORNO, Theodor W. Aberglaube aus zweiter Hand. In: ADORNO, Theodor W. Soziologische Schriften I. (147-176). Frankfurt: Suhrkamp Taschenbuch, 1979 (Reedição comemorativa do centenário de Adorno, 2003).

____. Erziehung – wozu? In.: KADELBACH, Gerd (Hrgs). Theodor Adorno. Erziehung zur Mündigkeit – Vortraege und Gespraeche mit Hellmut Becker -1959-1969. Frankfurt: Suhrkamp, 1970.

_____. Kulturkritik und Gesellschaft. In: ADORNO, Theodor W. Kulturkritik und Gesellschaft II – Eingriffe Stichvworte. Frankfurt: Suhrkamp Taschenbuch Wissenschaft, 2003.

_____. Minima Morália. Reflexionen aus dem Beschaedigten Leben. Frankfurt: Suhrkamp, 1967. (trad. Minima Morália. São Paulo: Ática, 1993).

_____. Negative Dialektik. Jargon der Eigentlichkeit. Frankfurt: Suhrkamp, 1966.

____. Resume ueber Kulturindustrie (Apontamentos sobre a Indústria Cultural). In: Adorno – Kulturkritik und Gesellschaft I (Crítica cultural e Sociedade I). Suhrkamp Verlag: Frankfurt. 2003.

____. Teorie der Halbildung. In: ADORNO, Theodor W. Soziologische Schriften I. Frankfurt: Suhrkamp Taschenbuch, 1979. (93-121).(Trad. Teoria da Semicultura. Educação e Sociedade. 1996.

____. Theorie der Halbbildung. Frankfurt am Main: Suhrkamp Verlag, 2006.

HORKHEIMER, Max. ADORNO, Theodor W. Dialelektik der Aufklaerung. Frankfurt: Suhrkamp, 2003 (trad. Dialética do Esclarecimento. Rio de Janeiro: Zahar, 1985 / tradução da edição de 1969 da Editora Fischer, de Frankfurt).

 

Traduções

ADORNO, T. W. A indústria cultural. In: Sociologia. Gabriel Cohn (org.); Florestan Fernandes (coord.). São Paulo: Ática, 1986.

____. A televisão e os padrões da cultura de massa. In: ROSENBERG, Bernard; WHITE, David M. (orgs). Cultura de massa: as artes populares nos Estados Unidos. São Paulo: Cultrix, 1973, p. 546-562.

____. Dialéctica Negativa. Madrid, Taurus, 1994.

____. Dialética negativa. Tradução de M. A. Casanova. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2009.

____. Educação e emancipação. Tradução Wolgang Leo Maar. 3. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1995.

____. Mínima Moralia. Reflexões a partir da vida danificada. São Paulo: Ática, 1992.

____. Palavras e sinais: modelos críticos 2. Tradução de Maria Helena Ruschel; supervisão de Álvaro Valls. Petrópolis, RJ: Vozes, 1995.

____. Prismas: crítica cultural e sociedade. Tradução: Augustin Wernet e Jorge Mattos Brito de Almeida. São Paulo: Ática, 1998.

____. Teoria Estética. Lisboa: Edições 70, 1970.

____. (et al.). Teoria da Cultura de Massa. Introdução, Comentários e Seleção de Luiz Costa Lima. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1986.

____. Televisão, consciência e indústria cultural. In: COHN, Gabriel (org.). Comunicação e indústria cultural. São Paulo: Editora Nacional, 1975, p. 346-354.

____. Textos Escolhidos. São Paulo: Nova Cultural, 1996. (Coleção Os Pensadores)

ADORNO, Theodor W. e HORKHEIMER, Max. Dialética do esclarecimento: fragmentos filosóficos. Tradução: Guido Antônio de Almeida. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 1985.

ADORNO, Theodor W. [et al.]. La Disputa del Positivismo em la Sociologia Alemana. Barcelona/México. Ed. Grijalbo, 1973.

HABERMAS, ADORNO e outros: Comunicação e Indústria Cultural. COHN, G. (org.). São Paulo: Companhia Editora Nacional e Editora da Universidade de São Paulo, 1971.

 

Bibliografia Secundária em Português

 

ASSOUN, P. L. e RAULET, Gérard. Marxismo e teoria crítica. Rio de janeiro: Zahar, 1981.

ASSOUN, Paul Laurent. A Escola de Frankfurt. Tradução de Helena Cardoso. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1989.

BARBOSA, Ricardo C. Dialética da reconciliação: estudo sobre Habermas e Adorno. Rio de Janeiro: UAPÊ, 1996.

BRONNER, Stefhen. Da teoria crítica e seus teóricos. Tradução: Tomás R. Bueno, Cristina Meneguelo. Campinas: Papirus, 1997.

COELHO, Teixeira. O que é indústria cultural. São Paulo: Brasiliense. (Coleção Primeiros Passos).

DUARTE, Rodrigo. Adorno/Horkheimer & a dialética do esclarecimento. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2002. (Filosofia passo-a-passo; 4).

____. Adornos: nove ensaios sobre o filósofo frankfurtiano. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 1997.

____. Teoria Crítica da indústria cultural. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 2003.

DUARTE, Rodrigo A. de Paiva. Mímeses e Racionalidade. São Paulo: Loyola, 1993.

DUARTE, Rodrigo; KANGUSSU, Imaculada; FIGUEIREDO, Virginia (Orgs.). Theoria Aesthetica. Em comemoração ao centenário de Theodor Adorno. São Paulo: Escritos, 2004.

FREITAG, Bárbara. A teoria crítica: ontem e hoje. 5. ed. São Paulo: Brasiliense, 1986.

FREITAS, Verlaine. Adorno e a Arte Contemporânea. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2003.

FREITAS PINTO, Renan; SPENCER, Davyd; TELLES, Tenório (orgs.). Teoria Crítica e Adorno: ideias em constelação. Manaus: Valer Editora, 2015, p. 27-44.

JAY, Martin. As idéias de Adorno. Tradução Adail Ubirajara Sobral. São Paulo: Cultrix, 1988.

____. A imaginação dialética. Historia da Escola de Frankfurt e do Instituto de Pesquisas Sociais, 1923–1950. Trad. Vera Ribeiro. Rio de Janeiro: Contraponto, 2008.

JIMENEZ, Marc. Para ler Adorno. Tradução de Roberto Ventura. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1977.

KOTHE, F. R. Adorno e Benjamin: confrontos. São Paulo: Ática, 1978. (Coleção Ensaios; 46).

LEO MAAR, Wolfgang. À Guisa de Introdução: Theodor Adorno e a experiência formativa. In.: ADORNO, T.W. Educação e Emancipação. São Paulo: Paz e Terra, 1995.

MATOS, Olgária C. F. Os arcanos do inteiramente outro: a Escola de Frankfurt, a melancolia e a revolução. São Paulo: Brasiliense, 1989.

____. Escola de Frankfurt: luzes e sombras do Iluminismo. São Paulo: Moderna, 1993. (Coleção Logos).

MERQUIOR, José Guilherme. Arte e sociedade em Marcuse, Adorno e Benjamin. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1969.

NOBRE, Marcos. A teoria crítica. São Paulo: Jorge Zahar Ed., 2004. (Coleção Filosofia passo-a-passo; 47).

____. A dialética negativa de Theodor W. Adorno. A ontologia do estado falso. São Paulo: Iluminuras, 1998.

NOBRE, M. (Org). Curso livre de teoria crítica. Campinas: Papirus, 2008.

PUCCI, Bruno, RAMOS DE OLIVEIRA, Newton e ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Adorno: o poder educativo do pensamento crítico. 3 ed. Petrópolis: Vozes, 2001.

PUCCI, Bruno (org.). Teoria crítica e educação: a questão da formação cultural na Escola de Frankfurt. 3 ed. Petrópolis: Vozes; São Carlos: EDUFISCAR, 1994. (Ciências Sociais da Educação).

RABAÇA, Silvio Roberto. Variantes Críticas: a Dialética do Esclarecimento e o Legado da Escola de Frankfurt. São Paulo: Annablume, 2004.

RAMOS DE OLIVEIRA, Newton; ZUIN, Antonio A. Soares, PUCCI, Bruno. Teoria Crítica, Estética e Educação. São Paulo: Ed. UNIMEP & Autores Associados, 2001.

RÜDIGER, Francisco. Comunicação e Teoria Crítica da Sociedade: Adorno e a Escola de Frankfurt. Porto Alegre: EDIPUCRS, 1999.

RUSH, Fred. Teoria crítica. Trad. Beatriz Katinsky e Regina Andres Rebollo. Aparecida, SP: Ideias & Letras, 2008.

SELIGMANN-SILVA, M. Adorno. São Paulo: Publifolha, 2003.

SLATER, Phil. Origem e significado da Escola de Frankfurt. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1978.

TAR, Zoltan. A Escola de Francoforte. Tradução de Ana Rabaça. Lisboa: Edições 70, 1977. (Coleção Espaço da Sociologia)

TIBURI, Márcia. Crítica da razão e mímesis no pensamento de T. W. Adorno. Porto Alegre: EDIPUCRS, 1995.

____. Metamorfoses do Conceito: Ética e Dialética Negativa em Theodor Adorno. Porto Alegre; Editora da UFRGS, 2005.

TIBURI, Marcia; DUARTE, Rodrigo (Orgs.). Seis leituras sobre a dialética do esclarecimento. Ijui, RS: Unijui, 2009. (Coleção: Filosofia).

TÜRCKE, C. Pronto-socorro para Adorno: fragmentos introdutórios à dialética negativa. In: ZUIN, A.; PUCCI, B.; RAMOS-DE-OLIVEIRA, N. (orgs.). Ensaios frankfurtianos. São Paulo: Cortez, 2004, p. 41-59.

VILELA, Rita Amelia T. Para uma Sociologia Crítica da Educação em Adorno e Horkheimer: apontamentos. In: MAFRA, Leila; TURA, Maria de Lourdes R. Sociologia para Educadores 2: o debate sociológico no século XX e as perspectivas atuais. Rio de Janeiro: Quartet, 2005.

WIGGERSHAUS, Rolf. A Escola de Frankfurt: história, desenvolvimento teórico, significação política. Tradução do alemão por Lilyane Deroche-Gurgel; tradução do francês por Vera de Azambuja Harvey; revisão técnica por Jorge Coelho Soares Rio de Janeiro: DIFEL, 2002.

ZUIM, Antônio Álvaro Soares; PUCCI, Bruno; RAMOS DE OLIVEIRA, Newton. Adorno: o poder educativo do pensamento crítico. Petrópolis: Vozes, 2000.

 

Bibliografia Secundária em Alemão

 

GRUSCHKA, Andreas. Kristische Paedagogik nach Adorno. In: OEVERMANN, Ulrich GRUSCHKA, Andréas, (Hrsg.). Die Lebendigkeit der Kritischen Gesellschaftstheorie. Wetzlar: Buechse der Pandora, 2004.

HERMANN, Berndt. Theodor W. Adorno: seine Gesellschaftstheorie als ungeschriebene Erziehungslehre. Ansaetze zu einer dialektgischer Begruendung der Paedagogik als Wissenschaft. Bonn, 1978.

KADELBACH, Gerd (Hrgs). Theodor Adorno. Erziehung zur Mündigkeit – Vortraege und Gespraeche mit Hellmut Becker:1959-1969. Frankfurt: Suhrkamp,1970.

SCHWEPPENHAEUSER, Gerhard (Hrsg). Soziologie im Spaetkapitalismus: zur Gesellschaftstheorie Theodor W. Adornos. Darmstadt: Wiss. Buchgesellschaft/WBS, 1995.

SCHWEPPENHAEUSER, Gerhard. Theodor W. Adorno zur Einfuehrung. Hamburg.: Justus Verlag, 2003.

TIEDEMANN, Rolf. Theodor Adorno: Ontologie und Dialektik – Volesungen 1960-1961. Frankfurt: Suhrkamp, 2005.

VON FRIEDEBURG, Ludwig und HABERMAS, Juergen. Adorno Konferenz 1983. Frankfurt: Suhrkamp, 1983.

 

 

Bibliografia Secundária em Outras Línguas

 

AXELOS, K.: Arguments d'une Recherche. Paris: Éditions de Minuit, 1969.

BERSTEIN, Jay. The Frankfurt School: critical assessments. London: Routledge, 1994.

BUCK-MORSS, Susan. Origen de la dialéctica negativa: Theodor W. Adorno, Walter Benjamin y el Instituto de Frankfurt. Tradução de Nora Rabotnikof Maskivker. México: Siglo Veintiuno editores, 1981.

DUBIEL, Helmut. Theory and Politics: Studies in the Development of Critical Theory. Cambridge: MIT Press, 1985.

HELD, D. Introduction to critical theory: Horkheimer to Habermas. Los Angeles: University of California Press, 1980.

JAY, Martin. The dialectical imagination: a history of the Frankfurt School and the Institute of Social Research. Berkeley: University of California Press, 1996.

JIMÉNES, M. Adorno: Art, Ideologie et Theorie de l'Art. Paris: Union Génerale d'Éditions, 10/18, 1973.

WHEATLAND, Thomas. The Frankfurt School in Exile. Minneapolis: University of Minnesota, 2009.

 

 

Filosofia PolíticaFilosofia Política ContemporâneaEscola de Frankfurt → Bibliografia sobre Theodor Adorno